MODA EMPREENDEDORA NO SÃO PAULO FASHION WEEK + AS MUDANÇAS DO EVENTO

Que o São Paulo Fashion Week é o maior evento de Moda da América Latina nós já sabemos. É por esse motivo, que tem que se adequar permanentemente ao que o mercado pede. A partir do próximo ano os desfiles passam a ocorrer em fevereiro e julho. Diminuindo o tempo até chegar ao consumidor.

Isso se deve ao imediatismo da internet, hoje os consumidores não querem mais esperar seis meses por aquela peça que adoraram ver no desfile. Isto, vem ocorrendo internacionalmente e sites como o  Moda Operandi  já oferece a opção “see now, buy now”, oferecendo aos seus clientes, opções quase instantâneas de comprar conforme os desfiles da passarela vão acontecendo.

As peças da coleção Karl Lagerfeld for Riachuelo foram colocadas à venda imediatamente após o desfile no SPFW ©Agência Fotosite
Desfile da Riachuelo por Karl Lagerfeld as peças foram colocadas logo após o desfile. Foto: FFW - Agência Fotosite

Outra mudança mais imediata, que ocorreu já nesta edição, foi a identificação das temporadas não mais por Estações e sim por números (esta foi a edição 41 #SPFWN41). O que faz mais sentido pois nossas estações não são bem definidas.

Esta edição do SPFW homenageou o fazer com as mãos. Principalmente, através do fazer artesanal. Esse protagonismo foi mostrado através da exposição fragmentos durante o SPFW.


Estivemos mais uma vez no SPFW, dessa vez, especialmente para cobertura pelo Moda empreendedora. Assistimos onze desfiles no total, visitamos lounges e espaços para conhecer as ações. Paralelamente, tivemos algumas reuniões e teremos muito conteúdo aqui para o site.

Quem nos acompanhou pelo instagram ( @modaempreendedora ) viu que agradecemos a diversas marcas. São eles:


Muito obrigada! Ver todos


Para ler todos os conteúdos sobre o SPFW, clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

@modaempreendedora