LIÇÕES DE EMPREENDEDORISMO COM LUIZA TRAJANO, PRESIDENTE DO MAGAZINE LUIZA

Na última quinta-feira (29/10) e sexta-feira (30/10), Luiza Trajano palestrou em João Pessoa no CONPEG - Congresso Paraibano de Excelência em Gestão e no ENPE- Encontro Paraibano de Empreendedorismo. Ela é uma das líderes mais admiradas e influentes do país, referência quando se fala de Gestão de pessoas e exemplo de uma carreira bem sucedida.

Luiza Helena Trajano está a frente de um negócio bilionário fundado pelos seus tios, Pelegrino José Donato e Luiza Trajano, na cidade de Franca-SP. Inaugurado com o nome de "A cristaleira", o perfil empreendedor da tia fez com que assumisse uma dívida para deixar seu legado, dar emprego para a família. Quase 60 anos depois o Magazine Luiza emprega cerca de 24.000 funcionários. Aliás, a mudança no nome já mostrava o perfil diferenciado da empresa de ouvir seus clientes, na época foi promovido um concurso na rádio local da cidade.

Tive a honra de conversar com Luiza Helena Trajano nos dois eventos. Transcrevo abaixo anotações que fiz das palestras que assisti e do que conversei a cerca de alguns assuntos.



Respeito as pessoas

Das 13 marcas já adquiridas pelo Magazine, o processo de mudança é sempre lento. A logo e cores do Magazine toma conta do espaço aos poucos em respeito a trajetória do empreendedor e como forma de aprender com a equipe. "É um respeito com os antigos proprietários. A gente não pode entrar no mercado achando que é maior do que a marca da terra. Aprendemos com a transição. O que eles fizeram de tão bom que chegaram até aqui?" Por esse motivo, por exemplo, não retiraram o Centro de Distribuição que fica na Paraíba.

Idade não é motivo para demissão. Principalmente, em relação as mulheres.

Não demite funcionários que namoram. Pede para informar antes e muda de unidade.

Tem várias ações voltados ao bem estar dos funcionários (cito algumas no final da matéria);

Valores inegociáveis: Falta de ética, discriminação e assédios.

Tipos de inteligência

Para Luiza existem quatro tipos de inteligência: intelectual, física, emocional e a espiritual.

"Eu não sou inteligente, eu faço perguntas. Então, fico sabendo de tudo!" em suas palestras destacou que a curiosidade de aprender com todo mundo a faz sábia.

"A pessoa tem que se movimentar senão as oportunidades não aparecem!"
Contou que a estratégia pra isso é colocar a meta pelo menos 10% acima do que as pessoas acham que são capazes. Mas alertou "Não confundir movimento com produtividade. As vezes você está ocupado mas não está produtivo. As vezes está ocupado e sem foco"

Algo que destacou foi a afirmativa de que é muito difícil lidar com gente. Segundo ela, é necessário tirar esta premissa da cabeça para melhorar o relacionamento com as pessoas.

"Não devemos economizar aquilo que não tem custo. Gentileza, sorriso"

"A experiência espiritual é: O que eu vou deixar? Qual o meu legado? Qual a minha missão?"

A responsabilidade do líder

"Líder é aquele que leva as pessoas mais longe do que elas acham que podem ir"

Sobre reputação

"Eu não acerto sempre. Mas é muito exemplo, o que eu prego eu faço. Mas se você perguntar para algum dos 20.000 funcionários tudo que eu faço é o que eu falo. Acho que não adianta você falar e ser totalmente diferente. Não me mitifico também e coloco as pessoas em primeiro lugar".

As características que preza no bom funcionário.

"Eu nem vou te dizer que é ética, ser trabalhador, ter disciplina. Isso pra mim é commodities. O principal é ele querer, é não ver a banda passar. E é o que desejo para os meus filhos. Acho que quando você quer e tem um propósito de construir, de fazer tudo vai dando certo para você. E quando você resolve só reclamar, só achar que tá cansado nada dá certo."

"O jovem tem que achar que ele é o protagonista do Brasil"

O próximo grande projeto.

"Nunca é o próximo... é sempre o atual mesmo. Eu tenho o grupo de Mulheres do Brasil hoje trabalhando em várias frentes de empreendedorismo social, são mais de 700 pessoas envolvidas. Eu estou no Comitê Olímpico também que é algo muito importante para o país."

E quem são os líderes que inspiram Luiza Trajano?

"Eu aprendo com todo mundo a todo momento. É lógico que tem momentos que você tem uma pessoa mais forte. Minha tia (Luiza Trajano, fundadora do Magazine Luiza) é uma pessoa que me inspira muito, Oscar Motomura (fundador da consultoria de gestão Amana-Key), tem tanta gente..."

Sobre o aprendizado desde o início da empresa 

"Acho que é a paixão que eu tenho por fazer que continua a mesma. E cada vez estou mudando de ciclo. Hoje eu estou uma líder mais cidadã eu me preocupo muito com o Brasil e juntamente com isso o Magazine Luiza"



Nos eventos algo que foi unânime entre os empreendedores foi não reclamar da crise. Eles assumem a dificuldade mas não deixam de planejar, executar, definir novas estratégias e correr atrás. Luiza Trajano mostrou um gráfico das maiores crises que já atravessou nas últimas décadas e diversas ações que fizeram para que a empresa as driblasse. Falou da importância de resgatar o amor pelo Brasil (apresentou um vídeo com o Hino Nacional tocado em diversos ritmos), contou que há mais de 20 anos todas as segundas canta-se o Hino no Rito de comunhão da empresa.
"Em momentos de crise a gente se adapta. Continuamos crescendo e expandindo 30 lojas não tem jeito de voltar, custos, orçamento e mais. E outras vezes é questão de oportunidade, de comprar na crise. Não vamos comprar agora pois estamos consolidando as que a gente já comprou nos últimos quatro anos. Mas vou mostrar que já tivemos crises piores e sobrevivemos."
(sobre manter a estratégia em tempos de crise)

Para ela o espectador:

1. É passivo;
2. Baixa iniciativa;
3. Espera a delegação de cima antes de agir;
4. Não atrai talentos;
5. Não tira lições da experiência;
6. Culpa o outro;

Convidou a todos para serem protagonistas da sua história. Onde se ver dificuldades o empreendedor ver oportunidades. Mostrou a demanda de consumo no Brasil, por exemplo, 46% dos domicílios não tem computador um mercado de mais de 30 milhões.

Os empreendedores:

Tem paixão pelo trabalho;
Tem visão 360 graus;
Enxerga soluções;
Faz acontecer;
Não vive reclamando;
Pensa grande (mas age de acordo com as condições do momento);
Corajoso. Assume riscos (mas não tem vergonha de assumir que está com medo e dividir responsabilidades);
Visão de resultado;
Se adapta as mudanças rapidamente;
Tem foco no cliente;
É criativo. Inova;
Comprometido;
Tem capacidade de servir;
Capacidade fuçativa;
Não se faz de vítima;
É inconformado;



Algumas ações importantes do Magazine Luiza durante os anos...

Há 15 anos, começou a oferecer bolsas de estudos aos seus funcionários em qualquer curso. E não exigindo tempo de empresa, não é programa de retenção, o colaborador pode deixar a organização a qualquer momento.

Cheque-mãe até 10 anos e 9 meses do filho.

Cheque educação especial sem data de término.

Plano de saúde para os pais e sogros. Pago pelos funcionários mas negociados pela empresa um valor fixo e abaixo do mercado sem relação com a idade.

Fale com a presidente - Afim de manter o dna da empresa responde pessoalmente cerca de 100 cartas de clientes por semana.

Criou liquidação no mês de janeiro e de madrugada - As outras empresas começaram a imitar mas o fato de ser pioneira diferencia a empresa.

Dia de ouro - Onde faz várias ações para os clientes.

Foi pioneira ao investir em uma loja virtual. Atualmente, a loja virtual do Magazine tem mais de 170 mil cadastrados com lojas personalizadas. E os funcionários são liberados a divulgar informações em seus perfis pessoais sobre a marca aumentando a abrangência virtual. "Hoje não tem jeito de ficar sem o digital. Como também não vai acabar as lojas físicas. Os dois vai conviver juntos"

A empresa tem como base os seguintes pilares estratégicos: Pessoa, multicanalidade, financeiro e cliente.



Espero que essa postagem tenha ajudado você a ter vários insights.

Se preferir, assista trechos das palestras neste vídeo do nosso canal.

Nos acompanhe também no instagram @modaempreendedora


Instagram: @luizahelenatrajano


Nenhum comentário:

Postar um comentário

@modaempreendedora